Seguidores

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

COISAS QUE PODEM ACONTECER NO ÔNIBUS

Irei postar ao longo desse mês uma serie de contos calientes, divirtam-se.

Pegou o ônibus no mesmo horário, como de costume. De sorte conseguiu um lugar na janela. Logo sentou ao seu lado um rapaz alto, forte, mas nada que chamasse muito a atenção.Lhe veio a mente um monte de bobagens: Como seria bom um homem te desejando, estava cansada de suas mãos. Do nada, numa atitude de extrema coragem e falta de noção roçou de leve o braço no rapaz ao lado. Ele se afastou um pouco num ato de coerência, mas o movimento foi repetido e então entendeu o recado. Passou bem de leve a mão para as costas dele e acariciou ainda mais leve, ele a olhou rapidamente e ela rapidamente deslizou a mão em sua perna. O sinal estava mais do que dado.Levantou e pediu o ponto, ele a seguiu, desceram, caminhando rápido na frente, ele atrás dela que entrou em um motel sem dar palavra.Aproveitou esse momento para avaliar a ousada mulher: saia e blusa marrom bem sóbria, cabelo curto, mas conseguia ver apesar do tecido grosso, o molejo dos quadris, a cintura fina. Entraram no quarto mixo e começaram a se beijar, morder, mãos deslizavam por carnes quentes, úmidas e pujantes, foi quando ele viu o crucifixo, continuou e essa foi a transa mais deliciosa dos dois. Depois exaustos se despediram e ela deixou uma oração da congregação da qual pertencia.
Ele nunca esqueceu aquela freirinha...

Leia também: Sinal

14 comentários:

  1. Marília. a mesma Única e Exclusiva17 de fevereiro de 2011 08:38

    Coragem dessas que eu quero pra mim.
    Saciar o desejo independente do lugar, pessoa, gosto disso!

    bjs meus

    ResponderExcluir
  2. Freira ou não, com aparatos ou não, são mulheres como outras quaisquer, certo? Então, se for aquelas noviças, ainda rola, mas... Beijos

    ResponderExcluir
  3. Hum... Gente é gente sempre, convicção e coragem aí é outro departamento, percebo que freirinhas são a fantasia de alguns, aff, eitha inferno rsrsr.

    ResponderExcluir
  4. Sensacional, Dea!

    Que venham muitos outros, pena que este mês é curto.

    "Estava cansada de suas mãos" deve ser bem verdade.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Querida Dea,
    Deus credo,ja vou de joelhos em frente do Padre pedir perdao para essa ovelha negra.
    Mas,vamos pensar assim,ela estava com sede de agua benta humana.entao procurou quem lhe tirasse o espirito do corpo (tesao) ihihii
    Me ri,e amei teu conto,fico esperando por outro.
    Mil beijos
    Rachel

    ResponderExcluir
  6. Que blasfêmia, Dea! Quer dizer que nem Cristo está livre de ser chifrado pelas suas "esposas"? kkkkkkk

    ResponderExcluir
  7. Oie Déaaaa...
    Menina que freirinha caliente hein?!
    kkk...adorei o conto, curto, interessante e quente...rsrs...
    Um grande abraço e um chero da tia bláblá.

    ResponderExcluir
  8. Gustavo ele já está condenado há muito tempo rsrsr

    Pensador quem sabe não entro por março...

    Rachel vamos aproveitar e rezar por nós rsrsr

    Assis Ô

    Tia Blá que bom que gostou

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Meu Deus que loucura na cabecinha dessa Vampira.

    ResponderExcluir
  10. Meu Deus que loucura na "cabecinha" dessa Vampira Déa. Confesso se pecado ou não gostaria de ser esse persongem do conto.Rsrsrr...Sério!

    ResponderExcluir
  11. Que freira danadinha rsrs, aposto que todo mundo tem essas fantasias em ônibus mas não tem coragem de falar :)

    ResponderExcluir
  12. "numa atitude de extrema coragem e falta de noção roçou de leve o braço no rapaz ao lado." (imaginei algo beeeeem pior ahhah, só isso?? ahaha quanta ousadia [mas foi gesto que deu abertura a tudo mais])

    UAU!! De tirar o fôlego!
    Como é bom umazinha dessas de vezenquando, não? Resta saber há quantos séculos esta religiosa não praticava!

    Um amigo meu tem um relato (que ele jura ser real) parecido. Ele sentado, o cara chega, roça braço etc. A diferença que o oral ocorreu ali mesmo, nos bancos do fundo do busão (de viagem).


    Beijo!

    ResponderExcluir
  13. Doce pecado!... Um delirio... deliciosamente excitante!

    Beijos Vampira!
    AL

    ResponderExcluir

Que bom que deixou a sua opinião, volte depois que te respondo aqui mesmo. Beijão