Seguidores

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

NOITE QUENTE NAS ALTURAS

Segundo continho da série caliente
A palestra estava bem chata naquela noite, já passava das 20 horas e nada de acabar. Depois de tantos gráficos, na cabeça os números dançavam, olhou pra um lado, depois pro outro e nada que a distraísse. Tão bem sucedida e não conseguia se livrar dessas palestras. De repente sentiu sua pele queimar, eram olhos que a observavam, já conhecia esta sensação. Procurou ao redor e viu. Moreno, alto, de terno, cabelos negros e um olhar fascinante que parecia despi-la. Corou um pouco, mas resolveu retribuir o olhar e imediatamente lhe subiu um fogo que nunca tinha sentido. Na saída ele segurou o braço dela disse: Estou te desejando muito.
Solteirona cheia de freios danou-se nessa noite, olhou pra ele e respondeu: No meu ou no seu? E ele: Sob as estrelas!
Subiram correndo as escadas, despistando os seguranças e foram até a laje do hotel. Arrancaram as roupas, os corpos quentes cheios de desejo, as bocas úmidas se consumiam e ali no chão sob as estrelas e o olhar de alguns curiosos e felizardos dos últimos andares vizinhos, que nesse dia não quiseram ver a novela das oito, eles não se importaram e provaram seus corpos sem nenhum pudor. O desfecho da novela ao vivo foi um corpo de mulher largado sobre o cimento depois de ser estrangulada, dedos nervosos discaram o número da delegacia e descreveram cada detalhe, mas já era tarde e o lindo desconhecido desapareceu do nada.

Leia também:

7 comentários:

  1. Adorei o formato de miniconto erótico de final inesperado!
    Poesia!

    ResponderExcluir
  2. Marília. a mesma Única e Exclusiva21 de fevereiro de 2011 20:44

    Parece até coisa que já vivi, rs. Deste desprendimento que a vida acontece!

    bjs meus

    ResponderExcluir
  3. eu adoro os curiosos.

    eu nunca fecho as janelas =)

    ResponderExcluir
  4. Olá, Dea!
    parabéns mais uma vez, estás inspirada e de mãos cheias!!!!
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  5. Emerson Adoro seu entusiasmo rsrsr

    Única e exclusiva tirando o final até que a idéia não é tão má assim

    Hum Pensador... não se surpreendeu...

    Maria então vc é uma festa para o
    voyer

    Rachel ela pagou pra ver e se deu mas ...~

    Rike cuidado com a expressão mãos cheias nesse momento rsrsrs

    Menina Mistérios se tratando de mim já devia esperar que eu estragasse a felicidade da coitada rsrrs

    Beijos galerinha boa

    ResponderExcluir
  6. Poxa,que pena esse final trágico, mas isso é o bom da estória.Rsrsrsrs..Muito interessante seus contos, já sabe que virei um fã.

    ResponderExcluir
  7. Gosto de textos que começam óbvios e seu final surpreende...O mundo está muito carregado de começos e fins óbvios!Blog interessante, e obrigado por seguir meu humilde blog, estou retribuindo com muito prazer!Abração!

    ResponderExcluir

Que bom que deixou a sua opinião, volte depois que te respondo aqui mesmo. Beijão